A história monetária do franco suíço

2024-02-23
Resumo:

CHF A moeda oficial da Suíça, apoiada pela sua posição neutra, é um ponto focal cambial devido à sua estabilidade e estatuto de porto seguro. Nos últimos anos, assistimos ao aumento da taxa de câmbio, impactando a economia da Suíça e as transações relacionadas com o dólar americano.

No mercado cambial de hoje, existe uma moeda que é consciente ou inconscientemente ignorada. Essa moeda é o franco suíço, também conhecido como CHF. Era suposto ser a moeda de refúgio mais segura do mundo e a sua popularidade era comparável à do dólar americano. Mas desde o evento Cisne Negro de 2015, tornou-se extremamente especial. Agora vamos dar uma boa olhada na história da moeda do franco suíço.

CHF

A moeda de qual país é o franco suíço?

Seu nome em inglês é Swiss Franc, abreviado como CHF. É a unidade monetária oficial da Suíça e é usada principalmente na Suíça e no Liechtenstein. Além disso, o CHF também é aceito nas zonas fronteiriças de alguns países vizinhos, como França, Alemanha, Itália e Áustria. Nessas áreas, especialmente perto da fronteira com a Suíça, as lojas e serviços geralmente também aceitam pagamentos em CHF.


É composto por notas e moedas, e as suas notas são emitidas e geridas pelo Banco Nacional Suíço (SNB). Geralmente são emitidos em diferentes denominações, incluindo 10. 20. 50. 100. 200. e 1.000. Cada denominação possui um design exclusivo e recursos de segurança para evitar a falsificação e garantir a segurança da moeda.


Os designs das notas suíças geralmente incluem marcos suíços famosos, figuras históricas, paisagens naturais e símbolos culturais. O lançamento de 2016, por exemplo, apresenta um tema natural para tornar a Suíça um país desejável. O verso de cada nota retrata paisagens naturais reais da Suíça, cada uma representando uma característica e experiência do país e mostrando sua rica história e cultura.


Diferentes denominações de francos suíços apresentam temas diferentes, com os US$ 10 tendo um tema de tempo, os US$ 20 uma história de luz, os US$ 50 contando sobre o vento, os 100 sobre a água, os 200 focando nas coisas e os US$ 1.000 contando a linguagem do humanidade. Os temas desta versão são todos mais abstratos e, em segundo lugar, estes temas estão amplamente ligados à vida e ao habitat humanos.


Os temas das notas são todos mais abstratos, como criatividade, experiência, humanidade, ciência e comunicação em vários níveis. Por exemplo, o franco suíço com valor nominal de 50 tem o vento como tema. O desenho anverso representa o formato de uma mão segurando um dente-de-leão. O vento sopra as sementes do dente-de-leão, espalhando-as no ar. A massa da mão encontra-se no centro da nota e é constituída pelo elemento gráfico de uma seta, que simboliza o cata-vento associado ao vento.


O outro elemento gráfico principal na frente da nota é a terra, em cuja superfície as setas vermelhas e verdes mostram a direção dos ventos que ligam a Suíça a outras regiões e continentes. A parte inferior do padrão de fundo, também representada por setas abstratas, mostra as correntes de ar ambiente e a pressão do ar na Terra.


No verso da nota, o vento levanta um planador no ar entre as montanhas e, ao fundo, as montanhas e as curvas de nível ilustram a variedade das paisagens e da geografia da Suíça.


O franco suíço também é altamente resistente à falsificação, com sete marcas de segurança em cada nota. Como a coleção mundial de papel-moeda, possui tecnologia de ponta e conceitos de design de primeira classe, e não é segredo que esta versão da nota está pelo menos 10 anos à frente da maioria dos países, por isso também é preferida por muitos colecionadores de notas.


Além disso, o franco suíço também é amplamente utilizado nos mercados financeiros internacionais como moeda de investimento e de reserva. Devido à robustez do sistema financeiro suíço, muitas transações e liquidações financeiras internacionais são realizadas através dele, especialmente em transações entre bancos privados e instituições financeiras internacionais. Os bancos centrais de alguns países utilizam o franco suíço como parte das suas reservas cambiais, a fim de equilibrar as suas carteiras de reservas cambiais e para manter a diversidade e robustez das suas reservas cambiais.


É também uma das principais moedas nas transações cambiais. A Suíça é um importante centro financeiro com liquidez relativamente elevada na sua moeda oficial e, portanto, tem extensas atividades comerciais no mercado cambial. E porque a Suíça é um importante centro financeiro, o franco suíço é relativamente líquido e, portanto, tem uma extensa actividade comercial no mercado cambial.


Assim, os acontecimentos com o euro em 2015 tiveram um impacto profundo na sua taxa de câmbio e lançaram os mercados financeiros num estado de confusão e pânico, com uma queda acentuada da liquidez do mercado. Globalmente, porém, ainda é vista como uma moeda de refúgio em tempos de turbulência económica global ou instabilidade geopolítica.

Swiss Franc to Chinese Yuan Exchange Rate Taxas de Câmbio do Franco Suíço

Benefícios da estabilidade política e da maturidade do mercado financeiro da Suíça O franco suíço é geralmente considerado uma moeda de refúgio seguro e é relativamente forte quando o mercado fica tempestuoso. Desempenha um papel importante nos mercados financeiros globais e os movimentos na sua taxa de câmbio estão intimamente ligados à economia interna suíça, às taxas de juro e até ao sentimento de risco global.


O desempenho da economia interna suíça tem um impacto directo no seu valor, e os indicadores económicos como a inflação, os números do emprego e as taxas de crescimento económico podem ter um impacto directo na sua taxa de câmbio. Um desempenho económico mais forte normalmente apoia o valor do franco suíço, enquanto dados económicos mais fracos podem levar a uma desvalorização do franco suíço. Por exemplo, o forte crescimento económico da Suíça, especialmente no sector financeiro, poderá impulsionar a valorização do franco suíço.


As taxas de juros são uma chave importante para o valor da moeda, pois determinam a taxa de retorno que os investidores recebem sobre os ativos suíços. Se as taxas de juro na Suíça forem mais elevadas do que noutros países, os investidores poderão comprar francos suíços em busca de retornos mais elevados, aumentando ainda mais o seu valor. Por outro lado, se as taxas de juro forem mais baixas, os fundos podem fluir, provocando a desvalorização do CHF.


Sendo uma moeda de refúgio seguro, o seu valor é geralmente afetado por fatores como tensões geopolíticas, o risco de guerra e a ameaça de terrorismo. Em tempos de turbulência global ou de maior incerteza, os investidores tendem a transferir fundos para activos seguros, como o franco suíço, apoiando assim a sua taxa de câmbio. Há também o estado da economia global que afecta o seu preço; por exemplo, em tempos de abrandamento do crescimento global, o mercado pode recorrer à aversão ao risco para aumentar o seu preço.


A Suíça é uma economia exportadora, pelo que a situação do comércio externo também tem impacto na sua taxa de câmbio. Se as exportações suíças aumentarem, isso irá favorecer a taxa de câmbio do CHF, enquanto se as importações suíças aumentarem, poderá ter um impacto negativo na sua taxa de câmbio. Ao mesmo tempo, a relação entre a procura e a oferta de francos suíços no mercado cambial também terá um impacto directo na sua taxa de câmbio. Se um grande número de investidores comprar francos suíços, o seu valor poderá aumentar; inversamente, se um grande número de investidores vender francos suíços, o seu valor poderá cair.


No geral, a taxa de câmbio do Franco Suíço é afetada por uma combinação de fatores, incluindo fundamentos económicos, riscos geopolíticos, política monetária e procura e oferta externas. Os investidores precisam examinar cuidadosamente essas variáveis ​​para tomar decisões de investimento mais informadas.

Swiss franc to United States dollar exchange rate

Franco suíço para dólar

Com o súbito anúncio em 2015 de que a Suíça estava a eliminar o limite mínimo de um vírgula dois que tinha sido mantido na taxa de câmbio do euro em relação ao franco suíço, seguiu-se um aumento de 20% no seu valor. Como resultado, o banco central suíço empregou uma série de medidas para conter a procura do franco suíço ao longo dos anos seguintes. No entanto, como activo de refúgio, a sua procura aumentou recentemente devido ao risco acrescido de turbulência no mercado.


Isto deve-se ao estatuto especial de país neutro da Suíça, tornando o franco suíço uma moeda há muito procurada. E olhando para os dados históricos, o franco suíço superou o dólar americano. Como resultado, se houver qualquer movimento na Europa ou nos EUA, ou se houver uma crise ou turbulência maior, isso também estimulará fundos de refúgio seguro para a Suíça, o que, claro, também impulsionará o franco suíço.


De facto, nos últimos anos, a taxa de câmbio do franco suíço em relação ao dólar americano também tem apresentado uma tendência ascendente, o que teve uma série de impactos na economia suíça e nos mercados financeiros. Por exemplo, embora as exportações possam ser desafiadas, a queda do custo das importações pode ajudar a melhorar a balança comercial e, assim, ter um efeito de certo equilíbrio na economia.


Em primeiro lugar, as exportações suíças tornam-se mais caras, uma vez que os compradores estrangeiros têm de pagar mais dólares pela mesma quantidade de produtos suíços. Isto poderá levar a um choque no sector de exportação suíço, uma vez que os consumidores estrangeiros poderão mudar para alternativas menos dispendiosas.


Ao mesmo tempo, a Suíça precisaria de pagar menos dólares por bens importados à medida que o valor de cada dólar aumentasse. A Suíça utilizaria menos francos suíços para comprar a mesma quantidade de bens em dólares, o que reduziria o custo dos bens importados, o que ajudaria a controlar os níveis de preços e ajudaria os consumidores e as empresas nacionais.


Para os viajantes dos EUA, os destinos suíços tornam-se mais caros porque têm de pagar mais dólares americanos pela mesma quantia em francos suíços. Mas, ao mesmo tempo, torna-se mais barato para os residentes suíços viajar para os EUA porque podem comprar dólares americanos com menos francos suíços. Dado que necessitam de utilizar mais francos suíços para comprar dólares, isto poderá levar a um aumento nos gastos com viagens na Suíça, afectando positivamente o turismo.


Para os investidores norte-americanos, uma valorização do franco suíço em relação ao dólar americano significa comprar activos suíços a um custo mais elevado. Isto poderia tornar os activos suíços menos atraentes, reduzir as entradas de capital e ter algum impacto negativo no crescimento económico. Para os investidores norte-americanos, uma valorização do franco suíço face ao dólar norte-americano permite-lhes comprar activos suíços a um custo mais baixo. Isto poderia aumentar os fluxos de capital dos EUA e impulsionar o crescimento económico.


No geral, a valorização do franco suíço face ao dólar dos EUA deverá ter efeitos complexos na economia suíça, e será necessário que o governo e o banco central tomem medidas para equilibrar estes efeitos, a fim de garantir um crescimento económico estável.

História da taxa de câmbio do franco suíço
ano Taxa de câmbio média Taxa de câmbio máxima Taxa de câmbio mínima
2019 1 CHF = 1,01 USD 1 CHF = 1,03 USD 1 CHF = 0,98 USD
2020 1 CHF = 1,04 USD 1 CHF = 1,08 USD 1 CHF = 1,00 USD
2021 1 CHF = 1,08 USD 1 franco suíço = 1,12 dólares 1 CHF = 1,05 USD
2022 1 CHF = 1,10 USD 1 franco suíço = 1,15 dólares 1 franco suíço = US$ 1,07
2023 1 franco suíço = US$ 1,15 1 franco suíço = US$ 1,20 1 franco suíço = US$ 1,10

Isenção de responsabilidade: Este material é apenas para fins de informação geral e não se destina a ser (e não deve ser considerado como sendo) aconselhamento financeiro, de investimento ou outro no qual se deva confiar. Nenhuma opinião dada no material constitui uma recomendação da EBC ou do autor de que qualquer investimento, título, transação ou estratégia de investimento específico seja adequado para qualquer pessoa específica.

Compreendendo a oferta e a demanda

Compreendendo a oferta e a demanda

Explore como a oferta e a demanda moldam as tendências de negociação, níveis e estratégias de suporte/resistência. Domine a dinâmica do mercado para obter sucesso comercial.

2024-05-27
Modelo de negócios e análise de investimentos da Amazon

Modelo de negócios e análise de investimentos da Amazon

A Amazon é uma gigante global do comércio eletrônico e da nuvem cujo modelo de negócios prioriza o fluxo de caixa. Os investidores se concentram no crescimento e no fluxo de caixa de longo prazo.

2024-05-24
Papel e características das operações de mercado aberto

Papel e características das operações de mercado aberto

As operações de mercado aberto ajustam a oferta monetária através da negociação de obrigações com flexibilidade e transparência de mercado, mas sofrem de atraso e intervenção. ​

2024-05-24